quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Apenas 1/3 das atrocidades do deus da bíblia:

• ÊXODO 21:20-21 Com a aprovação divina, um escravo pode ser surrado até a morte sem punição para o seu dono, desde que o escravo não morra imediatamente.

LEVÍTICO 26:29, DEUTERONOMIO 28:53, JEREMIAS 19:9, EZEQUIEL 5:8-10 Como punição, o Senhor fará com que as pessoas comam a carne de seus próprios filhos, filhas, pais e amigos.

NUMEROS 15:32-36 Um homem que no Sábado estava pegando gravetos de lenha para uma simples fogueira é apedrejado até a morte segundo a ordem de Deus.

NUMEROS 16:49 Uma praga divina mata 14.700 pessoas.

NUMEROS 25:9 Mais outra praga divina mata 24.000 pessoas.

NUMEROS 21:35 Com o apoio divino os Israelitas matam Ogue, seus filhos e todo o seu povo até não haver sequer um sobrevivente.

NUMEROS 25:4 Disse Deus a Moisés: Toma todos os cabeças do povo e enforca-os ao Senhor diante do Sol, e o ardor da ira do Senhor se retirará de Israel.

DEUTERONOMIO 20:16 "Das cidades destas nações, que o Senhor teu Deus te dá em herança, nenhuma coisa que tem fôlego deixarás com vida".

JOSUÉ 6:21-27 Com aprovação divina, Josué passa ao fio da espada todos os homens, mulheres e crianças da cidade de Jericó.

JOSUÉ 8:22-25 Com aprovação divina, Josué destrói todo o povo de Ai, matando 12.000 homens e mulheres, sem que nenhum escapasse.

JOSUÉ 10:10-27 Com aprovação divina, Josué destrói todo os Gibeonitas.

JOSUÉ 10:28 Com aprovação divina, Josué destrói todo o povo de Maqueda.

JOSUÉ 10:40 Assim feriu Josué toda aquela terra, as montanhas, o sul, e as campinas, e as descidas das águas, e a todos os seus reis. Nada deixou de resto; mas tudo o que tinha fôlego destruiu, como ordenara o Senhor Deus de Israel.

JOSUÉ 11:6 O senhor ordena o mutilamento (corte dos tendões das pernas) dos cavalos.

PS 137:9 Feliz o homem que arrebentar os seus filhinhos de encontro às rochas.

ISAIAS 14:21-22 Preparai a matança para os filhos por causa da maldade de seus pais.

EZEQUIEL 9:4-6 Ordem do Senhor: "sem compaixão... matai velhos, mancebos, e virgens, e meninos, e mulheres, até exterminá-los...."

EZEQUIEL 21:3-4 O Senhor diz que exterminará tanto o justo quanto o ímpio, ferindo-lhes a carne com sua espada.

As desculpas desavergonhadas que recebi de um ancião(tipo de rabino do ramo judaico dos testemunhas de Jeová), de um padre católico e um pastor evangélico:

O padre: Não devemos nos guiar pelo velho testamento, está ultrapassado.

Então eu lhe perguntei: Acaso o deus do velho testamento não é o mesmo do novo? O deus do velho morreu, mudou de idéia e se modificou? Mas deus não é um só, perfeito, imutável? Porque ele tem características tão terrivelmente humanas ao gosto dos violentos guerrilheiros dos povos do oriente médio?

O padre simplesmente me aconselhou a ter mais fé. Acaso sugeriu que não devo raciocinar, questionar, e pensar? Entendi que para ele fé é o ato de cegar a sua própria razão.

O pastor: Acredite e siga somente a Jesus Cristo, só ele salva. Pratique a fé e o dízimo.

Acho que a resposta dele dispensa maiores comentários, obviamente.

O ancião judeu: Jeová, é o senhor dos exércitos. Ele destruirá os ímpios.

Para os “soldados de Jeová” só o velho testamento e o apocalipse parece valerem grande coisa. Pelas explicações deles entendi que o velho testamento é a configuração da personalidade e das leis do deus dos exércitos, e o apocalipse seria o projeto de vingança deste deus contra o restante da humanidade que não o adora. Perguntei a ele quem são os ímpios, e pelo que entendi, são todos os que não são testemunhas de Jeová.

Concluo que é a Razão, quem nos liberta. Essas três coisas derivadas da Razão é que nos dão a liberdade:

1-autonomia-não pode haver liberdade sem autonomia(capacidade de pensar por si).

2-conhecimento(pesquisa)-não pode haver autonomia sem o conhecimento.

3-o bom senso-não pode haver sem a capacidade de pensar por si.

Esses três itens estão tão ligados entre si que não se pode separá-los, pois eles compõem a a Grande Razão. E a religião foi criada para tirar a Razão do ser humano e atribuí-la à uma deidade, enfraquecendo-lhe a autonomia, que então passará à direção do sacerdote a serviço da deidade, e a invenção da fé e o seu incentivo, foi a ferramenta para calar a Razão do homem, que agora entrega sua capacidade de pensar, questionar, e pesquisar, à cegueira da fé(embotamento da consciência). Quando vejo através da arqueologia o quanto o mundo já foi avançado, vejo claramente o quanto as religiões atrasaram o mundo prendendo a humanidade numa espécie de realidade virtual, uma ilusão de tempo, numa história falsa, com datas adulteradas, mitos para esconder a ciência(varrendo as provas do conhecimento), tudo obviamente, para lhes garantir riquezas e privilégios. Todas as religiões, escolas de mistérios, sociedades secretas, absolutamente nehuma realmente cumpriu o papel de enriquecer e libertar a Humanidade, todas a manipularam e a retiveram sob sua dependência, o seu "mundo virtual", o seu domínio, enquanto deram à Humanidade a sua cegueira da razão(fé), contrataram e  financiaram grupos e equipes de estudiosos para rastrearem todo o conheimento das civilizações com a intenção de monopólio, pois informação é e dá poder, apagaram as pistas, retorceram as datas, pilharam o conhecimento dos povos antigos(maior que o de hoje) e os dizimaram. A fé "amorosamente" transformou os seres humanos em seres autômatos. Questionar, pesquisar, estudar, indagar, sempre são atitudes ameaçadoras às religiões, aos mestres, aos gurus, aos padres, aos rabinos, aos pastores, aos sacerdotes, aos drigentes, porque um ser autônomo, é uma ameaça ao negócio, pode espantar o rebanho(gado) que eles muito astuciosamente "pastoreiam".
A mente humana não nasceu para se agarrar(estacionar) na fé(o complexo R) , nasceu para se mover no questionar, para conhecer, e evoluir(a Razão).

4 comentários:

  1. jader pompeu mendes4 de dezembro de 2011 18:04

    Muito boa as passagens citadas...obviamente essas atrocidades não são frutos de Deus, mas de homens maus e assassinos que por causa de um fanatismo psicótico, inventaram que recebiam ordem de Deus...chego a sentir náuseas quando leio determinadas "ordens" de Deus segundo os profetas esquisofrênicos que redigiram alguns livros da Bíblia. Se Deus for isso que eles relatam, então o diabo é fichinha perto deste suposto Deus de "amor".
    Pra mim Deus se revela em sua plenitude na pessoa de Jesus. Este sim transmite todo o amor, paz, sabedoria, dominio próprio e liderança de um ser divino. Este sim reúne todos os atributos que se espera de Deus. Portanto devemos saber distinguir muito bem o que a Biblia nos revela. Muita coisa é mentira descarada, uma alienação mental de pseudo-profetas somadas a interpretações distorcidas de pastores e padres. Como pode Deus escrever nas pedras "não matarás" e Ele mesmo ordenar e matar populações inteiras incluindo crianças? Como pode Elias ser "homem de Deus", ter sido arrebatado vivo e estar disfrutando as maravilhas do céu mesmo depois de pessoalmente matar a sangue frio 400 outros profetas indefesos à espada só por que eram de uma outra crença? Um assassino deste calibre daria inveja até em Hitller.
    Como é possível que esse Deus de amor vai ressussitar pessoas para as matar de novo?
    Seria o cúmulo do sadismo. Imagine, vc ser ressussitado, para ser lançado num lago de fogo e enxofre para ser queimado vivo para o século dos séculos, inclusive mulheres e crianças??? ahhh, faça-me o favor...
    Deus não pode ser um Deus de violência, de sangue, de destruição...não meu amigos...isso é uma mentira que os lideres religiosos inventam para ter um dominio sobre a mente das pessoas...tipo:"façam isso, não façam aquilo, por que senão Deus vai te queimar vivo..."aff....
    " Se não der o dízimo estará roubando Deus, assim vc será ladrão e vai queimar no lago de fogo para sempre..."affff de novo!
    "mulher usar jóias é adoração...vai queimar"
    etc, etc, etc..entedem a pressão psicológica que isso causa nas péssoas?
    A verdade é que devemos ter Jesus como um exemplo a ser seguido, a Biblia é um livro de alegorias e de estórias mentirosas que revela um Deus tirano e cruel. O Deus verdadeiro nos deu sabedoria suficiente para discernir o certo do errado, não precisamos ficar preso a um livro que, diga-se de passagem, tem sérias adulterações, alterações, correções, cópias mal feitas e contradições.

    ResponderExcluir
  2. Só faltou colocar a fonte e dar os créditos ao autor....

    ResponderExcluir